Marcas goianas para conhecer e sugestões de presentes para o Dia das Mães

Marcas goianas para conhecer e sugestões de presentes para o Dia das Mães
Escrito por Paula Falcão no dia na categoria Cidade

Muitas vezes falta criatividade aos filhos para escolher a melhor forma de presentear no Dia das Mães. Assim, é  legal  levar em conta a personalidade das nossas progenitoras para celebrar a data. Pensando nisso, o Aproveite a cidade, decidiu apresentar a você marcas goianas de roupas e acessórios, em que a identidade da mulher faz parte da concepção da peça.

Por aqui, também temos o propósito de evidenciar profissionais locais que fazem trabalhos bacanas. O que você decide consumir pode ajudar a fomentar a economia da cidade ou a financiar causas em que acredita.  Para onde vai o seu dinheiro? Que tipo de negócio ele está alimentando?  Quem faz as suas roupas?

Mais do que uma tendência, ser consciente da responsabilidade que se tem ao comprar algo, também pode ser visto como um exercício de cidadania.  Não é simplesmente optar por um produto porque ele é local. É escolher porque você gosta, tem qualidade, representa algo e ainda pode ter sido feito por marcas que você confia e admira.

E outra?  Se você pensar em todos estes fatores ao escolher um presente para o Dia das Mães, a chance de errar diminui consideravelmente.  Do que a sua mãe gosta? No que ela acredita? Se você ficou interessado sobre este assunto, confira nossas sugestões a seguir e  procure saber mais sobre o movimento Fashion Revolution.

 

Acessórios em couro ecológico da Filhas de Júpiter

Brinco em couro ecológico cortado a laser da marca Filhas de Júpiter. Coleção Mystic tem detalhes em critais | Foto: @gigyordane

A designer Ju Cardoso criou a marca Filhas de Júpiter em 2015. Ela elabora acessórios para mulheres de personalidade forte, que buscam nos complementos uma maneira de demarcar isso. São peças feitas em couro sintético, recortadas a laser, com design autoral e que atendem diferentes estilos. Uma elas pode ser o presente perfeito para o Dia das Mães.

A Filhas de Júpiter trabalha com materiais inusitados. Pedras brutas de cristal e pastilhas de revestimento de banheiro foram utilizados em coleções para criar efeitos únicos. Há também atenção ao acabamento, como pinos banhados a prata 950, que são antialérgicos e fecho de ímãs para os braceletes. Atualmente, a marca goiana elabora peças em edição limitada, feitas por encomenda.

 

Roupas básicas e cheias de bossa da Duo 47

Duo 47 elabora peças básicas e versáteis. Marca se preocupa com resíduos têxteis e elabora uma peça por coleção com retalhos| Foto: @osmargof |Modelo: @juliacunhacampos

A Duo 47 é a concretização de um sonho de irmãs. Cecília e Carla são responsáveis, respectivamente, pela parte criativa e administrativa da marca goiana. As duas enxergaram no mercado a demanda por roupas básicas atemporais e versáteis em cores neutras.  Um dos trunfos da Duo 47 é ter sempre uma peça-chave e de bom caimento.

A produção é direcionada a mulheres que prezam pelo conforto e que esperam que a roupa ofereça várias combinações.  Uma coisa interessante é que a produção visa aproveitar ao máximo os resíduos têxteis para amenizar os impactos ambientais.  A cada coleção uma peça é desenvolvida com material que inicialmente seria descartado.

 

Joias em prata com design autoral e valor acessível da Isabela Hanashiro

A designer Isabela Hanashiro desenvolve joias em prata 950 inspiradas em memórias afetivas. Coleção Sakura apresenta flores de cerejeira | Foto: Thainá Hanashiro

As peças elaboradas pela designer de joias Isabela Hanashiro são carregadas de significados e inspiradas em suas memórias afetivas. É bem legal imaginar que você está usando uma joia pensada por uma designer que coordena todo o processo, desde o conceito, passando pela produção até a entrega.  Algumas das peças são únicas e feitas por Isabela do começo ao fim. Outras, são fabricadas em pequena escala.  E sim, são joias com valores  bem amigáveis!

As peças são minimalistas, atemporais e cosmopolitas. Isabela Hanashiro é natural de Brasília, radicada em Goiânia há 15 anos e, em seu ateliê, cria joias em prata, que refletem a beleza que a designer vê no mundo. Muitas das inspiradas vêm da natureza, como a coleção Sakura, em que a referência são as flores de cerejeira.

 

Para mães de vários estilos e filhos com orçamentos diversos

Vestido da Contato Jeans, vendido na região da 44. Marcas atacadistas também investem em produção autoral | Foto:  Divulgação

Goiânia é uma cidade com ampla vertente confeccionista e veia criativa em termos de moda. Há designers com peso nacional, como Eleonora Hsiung. Além de marcas como a camisaria Quim,  que trabalha com peças sem gênero e  atenderá muito bem às mães mais descoladas. E a tradicional Fê Palazzo com uma produção variada e ainda assim autoral.  E se no Dia das Mães, ela ganhasse uma peça exclusiva?

A Novelo já desenvolveu coleção em parceria com artistas. No Ateliê Salamandra de Fogo, boa parte da produção é feita sob medida. Também vale conhecer o trabalho da marca Naya Violeta. Aliás,  uma das vertentes dela é a moda praia. Tem também O Badulaque, de mochilas feitas de retalho. Por isso, já dá de imaginar que os modelos raramente se repetem.

A região da Rua 44, no Centro, e as feiras de Goiânia também reservam mercadorias com bom custo-benefício e informação de moda.  A Contato Jeans tem 25 anos de mercado e cuida de todas as etapas de produção do jeans. Além disso, é a empresa dos pais da Carla Falcão e da Paula Falcão, do #teamaproveite. Tudo é produzido no bairro de Campinas e vendido para todo País. Todavia, se a opção é por calçados a Raquel Luc é uma fabrica goiana que vende sapatos em diversas feiras da capital.

Palavras chave: , , , , , , , , , ,

,